Pages

18 de mai de 2017

Cosplayer: Li Ling


Na ChinaJoy 2012 que se realizou na China (óbvio) - China Digital Entertainment Expo & Conference, que teve lugar em Xangai de 26 a 29 de Julho, reunindo 400 empresas da indústria e um afluxo de público superior a 170.000 participantes.
Para entender bem, isso é como a E3, mas chinesa. E em todas essas convenções essa cosplay tornou-se uma marca registrada. Até 2012.
Demorei para encontrar dados sobre ela. Pois o pessoal só quer ver mesmo é o corpo dela... Pelo menos é o que parece.
Esta é a linda Li Ling, ou talvez tenha que chama-la de Wai Wai? Ou Angela Lee?? ... Pelo jeito ela tem muitos nomes. E nem sei qual é o verdadeiro.
Uma coisa é certa, não importa o nome que você encontre ela na internet, é uma mulher muito bonita e extremamente sexy. A grande cosplayer e costureira de cosplays foi banida da ChinaJoy (um evento de jogos para video games e PCs) por usar um vestimentas que foram consideradas muito reveladoras para dizer o mínimo.
Mas pense em uma guria difícil de descobrir sobre a vida dela. Eu encontrei MUITAS FOTOS DELA MESMO. A maioria sem cosplay e quase sem roupa. Também. Mas eu fiz o que pude.
Vamos por partes: a modelo foi "gentilmente" convidada a sair pelas ordens dos organizadores principais no 2o dia da maior feira de games de China. Com o esforço do governo da China em neutralizar o zumbido negativo sobre o esfera social da China e as atitudes mais extremistas, os organizadores de tais convenções tomaram medidas mais estritas para assegurar que tudo ocorresse sem problemas. Claro, ainda haverá emprensas que querem empurrar suas marcas / produtos atraindo os olhos através de vários métodos e Li Ling foi usada para ser um dos bodes expiatórios neste incidente.
"Os organizadores da China Joy disseram que vão punir cinco ou seis agências de modelos por deixar seus modelos violarem o código de vestimenta anual da expo de jogos, disse um membro do comitê organizador do evento.
O fenômeno de modelos escandalosamente vestidos permaneceu um problema teimoso para a principal exposição de videogames da China desde que começou em 2002, disse Yu Kun, vice-secretário-geral do comitê organizador do evento. O problema tem se tornado ainda mais prevalente nos últimos anos, levando os organizadores a recorrerem à regulamentação das roupas dos modelos para controlar a situação."
Fonte: GlobalTimes
China Joy 2012 é uma expo digital de games que começou no ano de 2002. Naquela vez, (2012) havia cerca de 400 empresas de jogos no evento de quatro dias em Xangai, com um recorde de 170.000 visitantes no total.
Li Ling teria seu contrato cancelado pela ZQ Games por ter exagerado na sensualidade. Ela fez uma versão mais sexy para a roupa tradicional de Saori Kido, ou Athena, de Cavaleiros do Zodíaco. Era para divulgar um dos jogos da saga. Os organizadores falaram que um dos maiores problemas nessa roupa foi o shorts da guria... E os seios fartos não contam né? Mas ela depois tirou esse vestuário (que já era quase transparente), para ficar só de calcinha (mente indo a mil). Só que ela virou sensação na internet! Os fãs antigos e recentes, atacaram através da internet a ZQ Games de maneira forte! Só que ela mesmo pediu para pararem, já que não foi a empresa que fez aquilo e sim os organizadores do evento.
Ela desabafou em seu perfil pessoal numa rede social chinesa e disse que ficou muito triste com o ocorrido, pois segundo a mesma, só estava fazendo o seu trabalho. Qual o sentido de contratar uma moça atraente e falar que ela esta sensual demais? Roupa curta demais? Já viram alguns cosplays nos eventos? Sem sentido isso para mim!
E não, não é por ela ser gostosa, se me permitem escrever.
Li Ling não é nova na indústria das modelos e suas fotos estão amplamente disponíveis na internet através de vários álbuns de imagens. Na verdade, há uma série de fotos de sua exibição extremamente sensuais com poses sexys aparecendo com roupas mínimas.
Ela é nascida em Hunan, China em 1990. Hoje em dia participa de mais eventos, anúncios de TV, revistas e toda a sorte que uma cosplayer de talento (ou talentos XP) poderia ter. E seu azar, por ter sido expulsa do China Joy, acabou sendo mais benéfico para ela. Não acham? O maior problema sobre ela é que quase nenhum dado fixo ou verdadeiro sobre Li Ling eu achei. Nem sequer encontrei algo no Facebook, Instagram ou Twitter. Tecnicamente isso aqui esta cheio de referência sobre a garota (mais que na internet). Pois aqui, talvez eu tenha escrito mais que nos sites, onde além das fotos sensuais da garota, só tem uns dados bestas como medidas. Complicado as vezes.
Ela fez algumas sessões de fotos quase nua, aparentemente, mas até onde eu posso dizer que existem apenas versões editadas, e acredite em mim, eu passei por muitos lugares estranhos enquanto procurava. Basta dizer, qualquer um que encontra as versões não editadas terá sempre a moça perto do seu coração. Ou outro lugar.
Estatísticas
Outro Nome (s): Li Ling 李玲, Wai Wai 歪歪, Angela Lee, Ya Dian Na 雅典娜, Angel
Origem: Changsha, China
Nascimento: 29 de março de 1990
Altura: 160cm
Peso: 48kg
Medições: 33-24-35
"Sinto que a modelo Li Ling, que fez o infame cosplay de Athena que todos viram foi simplesmente um bode expiatório de uma grande gafe cometida pela empresa, por que se não fosse de acordo da própria empresa, ela sequer apareceria em público com aquela roupa."

http://www.otometeatime.com.br/2012/12/critica-vale-tudo-no-cosplay.html










Animes com temática de rock!

Os animes tem muitas vezes trilhas sonoras inspiradas em j-rock. Alguns com aberturas como das bandas L'arc~en~Ciel ou Porno Graffitti. Contudo, muitas bandas surgem com um som no próprio anime. E então, vamos falar dos animes em que o foco é a banda. De forma mais séria e matura, medida do possível.
Como falei, aqui só vão entrar os animes que mesmo, falando sobre outras coisas como romance ou ideais... Foca em bandas MESMO. Por isso não entra aqui Macross ou outros animes que nem sempre existe parte musical, como Sket Dance.
K-On fala sobre a rotina de quatro garotas colegiais que formam uma banda na escola. A protagonista é uma garota chamada Yui Hirasawa, que não sabe nada de música. Mas entre nesse grupo pois gosta do que escuta das garotas. E as outras se unem para manter o clube, formando uma banda. E a garota curtiu tocar guitarra, assim formando a Hokago Tea Time. 
Já Beck é tão ou mais profundo que K-On. Nele Yukio "Koyuki" Tanaka, tem sua vida virada de cabeça para baixo ao conhecer um guitarrista. Ryuzuke faz um show e isso, faz o garoto se inspirar com guitarra. Ele entra na banda de Ryzuke como guitarrista rítmico.
Só para ter uma ideia, a Fender oficializou alguns dos modelos das guitarras que aparecem no mangá/anime.
Lembrando que os personagens que foram criados para essa obra são inspirados na banda Red Hot Chilli Peppers. Santa Referência Batman!
Nana tem como uma de suas protagonistas, Nana Oosaki. Uma vocalista de punk rock, com sua banda Black Stones. Ela participa dela com seus amigos e seu namorado Ren, mas esse último recebe a proposta de ser o guitarrista de uma banda famosa. A Trapnest.
Isso faz com que Nana vá para Tóquio correr atrás da própria fama. Usando a Black Stones para alcançar seus sonhos.
Pegando Gravitation, nós temos Shuichi Shindo. Ele quer seguir os passos de seu ídolo e montar sua própria banda. Formando a banda Bad Luck. Só que ele não consegue inspiração para compor suas letras, sendo que agora ele tem uma gravadora que o patrocina. 
Por coincidência, ele conhece o famoso escritor Yuuki. E a partir desse momento a Bad Luck melhora sua situação como banda. Sem contar um romance entre Yuuki e Shuichi que surge...


Alguns cosplayers brasileiros


Danielle Vedovelli: Já falei dela no blog, mas é bom ressaltar mais uma vez.
Essa cosplayer talentosa mora em Capão da Canoa/RS e pratica taekwondo. E ao que parece treina muito bem. Não só pelos cosplays que faz mas pelas fotos no Facebook e Instagram. Só para os marmanjos babando nela, ela mora com seu noivo. 
Ela começou, a relativamente, pouco tempo no mundo dos eventos. Sua principal, e mais conhecida customização, é a Tifa Lockheart. Em diversos estilos.
A própria Danielle Vedovelli produz suas roupas. Por incrível que pareça ela não sofre muito assédio, mesmo sendo extremamente bonita. Isso mostra como o pessoal dentro de lugares assim respeita as pessoas que fazem cosplay. 
Ela visa o divertimento acima de tudo. E tem páginas em especial no Facebook e no Deviantart.

Shermie: Gabriela Almeida, natural de Brasília usa esse nome por conta de seu primeiro cosplay. A Shermie de The King of Fighters, do time New Faces. E muitos começaram a chama-la por esse nome em eventos ou até mesmo conhecidos na area de animes/mangás/cosplays. 

Verth: Mais um cosplayer que apareceu enquanto caçava cosplays no Instagram. Nesse caso, homens que fazem essa fina arte. Colecionador de brinquedos, toca guitarra, fã de metal, gosta de airsoft, cosplayers (em especial do Deadpool, e garoto fitness. Seu nome é Flávio Páscoa Gadelha. 

Yuki LeFay: É cosplayer desde 2000, já venceu diversos concursos por todo o país e participou como convidada de vários eventos pelo mundo. Yuki já interpretou mais de 80 personagens de games, animes, quadrinhos e filmes.
Em 2007, venceu a etapa brasileira do World Cosplay Summit, e representou o Brasil no maior concurso de cosplays do mundo.
Esteve em todas as edições da turnê brasileira do espetáculo internacional Video Games Live, que reúne música sinfônica e temas de videogames em um show multimídia, realizando performances no palco e apresentando o concurso de cosplay. 
Participou como convidada do desfile de uma Escola de Samba do Rio de Janeiro que homenageava a cultura japonesa. Fez parte da produção de um documentário para cinema sobre cultura pop japonesa no Brasil. Foi também uma das cosplayers convidadas a fazer parte do calendário beneficente Cosplay for a Cause 2012, que arrecadou fundos em prol das vítimas dos terremotos que ocorreram em março de 2011 no Japão.
Seus cosplays são sempre destaque em publicações no exterior e recentemente alguns de seus cosplays de personagens de HQs também foram inspiração para dois ilustradores em uma coleção de cards colecionáveis lançada pela Marvel!
Ela é frequentemente requisitada como convidada especial e juíza de concursos de cosplay em eventos por todo o Brasil e também em vários países no exterior. 
Yuki foi juíza da seletiva mexicana do World Cosplay Summit em 2010, e também da final do EuroCosplay, o maior concurso de cosplay da Europa em 2011, realizado dentro da London Comic Con.

Massacre no Bairro Chinês: um filme sobre imigrantes no Japão


Jackie Chan é conhecido por fazer filmes em que sua participação é sempre como um artista marcial. Contudo, ele não é só um lutador. Mas também é um ótimo ator.
O filme foi censurado na China por conta de sua violência. Seu orçamento foi de 25 milhões de US$.
Norte da China. Steelhead (Jackie Chan) é um pobre mecânico de tratores que sente falta de sua namorada, Xiu Xiu (Jinglei Xu), que foi visitar familiares no Japão. Quando deixa de receber notícias dela, Steelhead resolve ir a Tóquio em sua busca. Ele entra ilegalmente no Japão e, logo após chegar, perde seus documentos chineses. Com isso fica impossibilitado de retornar à sua terra natal. Após um incidente com seu primo Jie (Daniel Wu) e uma gangue de Taiwan, Steelhead salva a vida de Toshinari Eguchi (Masaya Katô), um poderoso chefe da Yakuza. Como retribuição, ele oferece a Steelhead uma parte do território até então dominado pela gangue de Taiwan, o que faz com que se torne o chefe dos imigrantes ilegais.
Uma história de drama, suspense e crime. Dirigida por Tung-Shing Yee.

Os finais de tokusatsus que não vimos no Brasil


Defensores da Luz Maskman: No final da série, Zeba ergue seu castelo rumo à superfície e espalha partículas das trevas que tapa a luz do sol. Ele finalmente mostra sua real forma – o filho do lendário Issaldogla, e não o próprio como se imaginava – e enfrenta o robô de brinquedo da equipe . Para vencer, os heróis contaram com a ajuda de uma resignada Igan e da Princesa Ian (que passou a série toda num esquife de gelo, que juntas fizeram desaparecer as partículas das trevas.
Depois de tudo terminado, Igan se isola no túnel infinito para pagar por seus pecados, por ter ajudado Zeba. Um  final bem simples para um sentai se me permitem falar.

Black Kamen Rider: No final da série, Isamu Minami vai atrás de Nobuhiko e tentar derrotar os Gorgons de uma vez. Contudo, ele encontra com Shadow Moon e mais um combate se desenrola. O vilão tenta dominar a moto de Black, (Battle Hopper) mas não consegue isso por muito tempo. Pois Kamen Rider usa sua King Stone (seu cinturão) para libertar a motoca. Ela ataca o inimigo, mas é destruída. Antes disso, Kamen Rider derrota um monstro perigoso do império inimigo.
Então, em seguida, Isamu entra na base de Gorgon. A batalha final entre Black e Shadow começa. O herói esta com o sabre que pertencia ao seu irmão. O problema é que Moon esta fraco pelos combates anteriores. E perde.
Depois disso, Kamen Rider encontra o Rei Criador, (Grande Rei). Ele tenta o herói, mas em seguida, o herói mata o vilão. E Isamu passa a viajar pelo Japão, tentando encontrar seu lugar no mundo